Buscar

Advogado, músico, compositor, cantor e agora governador, Cláudio Castro revela sua trajetória


Deputado Márcio Pacheco, líder do governo na Assembleia Legislativa congratula-se com o recém-empossado governador Cláudio Castro. Velha amizade.




O Barão voltou com uma boa notícia: em breve o governador Cláudio Castro irá conceder uma entrevista exclusiva para a Revista Real Notícias. Nela, o advogado que iniciou sua trajetória pública em 2004 como chefe de gabinete do então vereador Márcio Pacheco, irá revelar um pouco da sua carreira política que o destino fez chegar ao ápice do poder Executivo fluminense. Mas antes disso foi o vice-governador mais jovem desde a redemocratização do país e o que poucos sabem é que Cláudio Castro é também músico, cantor e autor de dois álbuns de música católica.


Palavra de líder


- Alguém que assume a direção, sabe aonde quer chegar. Foi assim desde o início da minha, da nossa, trajetória política, quando Castro assumiu a direção de um Celtinha e com responsabilidade nos conduzia no caminho da política do bem comum. Ao seu lado, confiei na sua direção, assim como faço hoje. Como líder do governo do Rio, confio na sua condução do Estado tendo como base pilares que nos sustentam bem antes dos tempos do Celtinha: defesa da vida, da justiça, do cuidado, de direitos iguais para todos, do bem comum”, palavras do deputado Márcio Pacheco, líder do governo na Alerj sobre a posse do governador Cláudio Castro.




Não deu!


A morte do ator e comediante Paulo Gustavo, que morreu no dia 4 de maio vítima de complicações da Covid-19, interrompeu não só uma carreira artística marcada pelo sucesso como também um contrato milionário com a Amazon. Segundo a revista Piauí, ele cumpriria todos os compromissos profissionais com o Grupo Globo até o fim do ano para em janeiro do ano que vem dar início ao contrato com a gigante americana. Pena!


Eleições 2022


Tá chegando a hora das conjunções políticas focadas nas eleições de 2022. A ida do prefeito do Rio, Eduardo Paes (DEM) para o PSD deu o tom do que pode vir por aí. No partido fundado por Gilberto Kassab ainda devem aportar celebridades do cenário político nacional e já há quem especule na formação de frentes envolvendo cardeais de distintas siglas como Rodrigo Neves (PDT) e Marcelo Freixo (PSOL). O Barão tá de olho!


Democrático ou Republicano?


E o ex-presidente Trump hein? Banido do Twitter e Facebook, Donald lançou sua própria rede social. O nome é “From the Desk of Donald”. Só que tem um detalhe curiosíssimo: os usuários não podem enviar nenhum post, muito menos comentar nada. Não há interação social, pois a nova plataforma não tem um recurso que permita aos usuários responder ou interagir com a publicações do ex-presidente sisudo que tinha cara de mau e pouco sorriso pra dar. Tudo “muito democrático”! Ou republicano, sei lá!


Aguaram o chope da Jiuliette


E a Jiuliette hein! Pena que sua festa de vitória do BBB21 foi um pouco afetada pela comoção social provocada pela morte do ator e comediante Paulo Gustavo. Aguaram o chope da paraibana de Campina Grande. Mas se alguém pensava que a Globo estava morta com a ascensão do Bolsonaro, o BBB21 foi a prova de que ainda não foi dessa vez que a Vênus Platinada foi para o saco.


Vendas esgotadas em 24h


Que o diga a Sansung, patrocinadora da prova do líder do dia 27 de abril. A exposição dos seus celulares dobráveis Galaxy Z Flip e Galaxy Z Fold2 5G gerou impacto relâmpago. Em apenas um dia foi vendido todo o volume estimado para uma semana, deixando sua loja on line com estoque zero, segundo fontes do mercado e da revista Exame.




51 visualizações
 

Mais Notícias