google-site-verification=lbjueM2tO1RF8DU_YVArfBjlwLINtJ5N-0i3bpcVFVo
top of page
Post: Blog2_Post

Bombeiros resgatam cachorra com cabeça presa em roda de carro

Essa filhote danadinha deu trabalho… Foram longos 40 minutos para que os bombeiros resgatassem a cachorra de 11 meses chamada Daisy, que ficou com a cabeça presa na roda de um carro.



A situação foi tão inusitada que nem os bombeiros conseguiram explicar exatamente como o animal foi parar lá. “Nunca vimos isso antes”, disse o tenente Brandon Volpe.


Depois de muitas tentativas, a solução foi recorrer a um cortador de plasma, usado ​​para cortar aço e metal. Nessa hora o filhote ficou com medo, mas depois de 5 minutos Dayse estava livre. Ufa!




As primeiras tentativas


O caso aconteceu em South Jersey, nos Estados Unidos.

Quando os bombeiros voluntários de Franklinville chegaram, o primeiro passo foi manter Daisy calma enquanto eles procuravam uma solução.


Na primeira tentativa de tirar a filhote, a equipe de resgate usou água e sabão, mas sem sucesso.

O óleo vegetal veio em seguida, mas também não deu certo. “Ela estava muito presa lá”, disse Volpe.


Eles também tentaram colocar um filme plástico em volta do pescoço e esperar que o óleo e o sabão o tornassem escorregadio o suficiente para que ela deslizasse.


Mas isso também não funcionou.

“A cabeça dela entrou lá, tem que sair de alguma forma”, pensou Volpe.

Então ele se lembrou dos cortadores de plasma que tinha na garagem dela.


Salvaram! 


Para conseguir tirá-la de lá, eles colocaram um cobertor anti-fogo em volta da cabeça e do pescoço para proteger a cachorrinha.


Então cortaram a borracha e o metal do pneu.


O que fazer nesses casos?


Para evitar que os filhotes de entrem em situação semelhante, Volpe já deixou o lembrete:

“Fique de olho neles porque eles podem entrar em situações muito ruins com muita facilidade”.


Veja o trabalho da equipe



Коментарі


bottom of page