anuncio cabeçario site.png
Buscar

Cachaça Boa e Cachaça Ruim. As diferenças.


Diante das milhares marcas de cachaças registradas (só as registradas, fora as piratas), que o Brasil possui, escolher o que apreciar é um tormento do bons... Portanto, vamos aqui tentar ajudar a separar e discernir uma cachaça de boa qualidade de uma chucra.


Procure ver a garrafa de onde sai o que você vai consumir. Afinal é impossível falar de algo que não se conhece, até que uns tentam.. mas como saber? Como dizer que bebeu a cachaça A ou B se você nunca experimentou e nem viu a garrafa dela?


Tente também dar uma balançada na garrafa para fazer espuma. Se a espuma não descer em poucos segundos, pode ser que tenham sido adicionados elementos estranhos após a destilação, como aromatizantes, corantes etc.



Procure no rótulo pelo MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), o número obrigatório para cachaças registradas no Ministério. Alambiques sem esse registro não conseguem colocar sua bebida no mercado, ficando limitados a vendas informais, tipo feirinhas e lojinhas de produtos artesanais de pequena produção. O Mapa garante a qualidade da marvada.


A cachaça boa, de qualidade é límpida como água pura. Sem pedacinhos e impurezas. Alguns usam o subterfúgio de colocar um pedaço de cana dentro da garrafa para dar uma embelezada e, ao mesmo tempo, disfarçar a pouca qualidade na hora da filtragem e envasamento.


Cachaça boa chora, não queima e nem desce quadrada na garganta! Agite o copo e observe a lágrima escorrer. Certos óleos tornam a branquinha mais “espessa”, e denota uma graduação alcoólica alta. Fica um molhado na parede do copo. Quando isso não acontece ou acontece de maneira muito rápida, a água que foi adicionada para equalização foi posta de maneira incorreta na bebida. Por outro lado, se a lágrima demorar a descer, mostra que a bebida pode ter uma graduação alcoólica muito alta.


CLIQUE NO ANUNCIO PARA ENCOMENDAS:

A cachaça deve ter o teor alcoólico entre 38% e 48%. As de qualidade não tem odor muito forte de álcool e muitas vezes lembra o melado. Se ao cheirar a bebida seu nariz arder ou sair lágrima do olho (quem deve chorar é a cachaça e não quem bebe), fique com o pé atrás. Cachaça das boas tem cheiro de madeira, vegetais, frutas, nunca de álcool puro.


Na hora de degustar, preste a atenção! A bebida de qualidade não desce arranhando é prazerosa ao beber e tem um toque aveludado. Mas no fundo o que manda é o seu sentimento. Se der vontade de tomar mais uma... pronto. É cachaça boa.


Ah!! Aprecie com moderação, não dirija se beber, torne-se um degustador e garimpeiro da bebida. Tem muita coisa boa por aí, mas só procurando e em especial, bebendo.