Cachaça saborizada: o agregar de aroma, cor e sabor à famosa bebida

Produzida com caldo de cana-de-açúcar fermentado, a cachaça tem sido aromatizada com frutas, ervas, grãos e madeiras.


POR JOSÉ CARLOS MEDEIROS - COLUNISTA

https://www.instagram.com/duartedemedeiroscachacas/


A cachaça é definida como destilado de cana-de-açúcar, com graduação alcoólica em torno de 48 %, pelo decreto 6871 de 2009. Não pode se originar de outro vegetal que não seja a Cana, de açúcar. A destilação da banana ou outra fruta por exemplo, não é considerada. Quando apresenta cor, aroma e sabor de alguma fruta ou erva é sinal que ouve a adição desta fruta. Nesse caso, o nome deve ser aguardente da fruta ou da erva. Todavia, no popular, o biricutico fica conhecido como cachaça disso ou daquilo. No caso da banana... Cachaça de banana.


Um destilado misturado com a fruta ou da fruta é uma aguardente de fruta. Se acrescentarmos ervas, especiarias ou outros ingredientes na marvada, não poderemos denominá-la como cachaça, mas sim como aguardente composta, saborizada ou mista.


É possível afirmar sem erro, que a cachaça é um dos ícones da culinária brasileira. A aguardente de cana–de-açúcar se tornou a vedete das bebidas nacionais, originando a famosíssima Caipirinha, cantada em samba, verso e prosa e outros tantos drinks.



Dos tonéis de alambiques para mesas de botecos e casas, a cachaça tradicional originou um sem número de variedades. Algumas muito populares são as infusões: frutas mergulhadas na garrafa ou mesmo ervas, pimentas e outros ingredientes que acrescentam um outro sabor ao já especial sabor da bebida.



Para ganhar os sabores e aromas de frutas ou ervas, a cachaça deve passar por um período, em geral quatro a seis semanas, em repouso e armazenagem até obter o que se espera: cor, sabor e aroma dos ingredientes.


Normalmente se faz assim:

  • Um litro de cachaça de boa qualidade, preferencialmente branca.

  • 1 quilo de frutas maduras, bem doces e aromáticas.

Lave-as bem, insira na garrafa em pedaços pequenos, em um vidro grande esterilizado. Pode-se amassar levemente os ingredientes.


Em seguida, acrescente suavemente a cachaça.


Ao final, coe a bebida e armazene em garrafa esterilizada ou outro vidro próprio para bebidas. Tem gente que põe calda de açúcar para apurar e suavizar o sabor.


Por ser uma delícia, recomenda-se beber com moderação.


Ah! E não se esqueça de oferecer uma pro santo.

Fontes:

bebidaexpressblog.com.br

blog.br.thebar.com


27 visualizações