Com aprovação de 38%, Bolsonaro tem força entre mais ricos, homens e evangélicos

Pesquisa da XP/Ipespe aponta que, além de estabilizar avaliação de sua gestão, presidente aparece à frente em intenção de votos em 2022 frente a nomes de Moro, Lula, Haddad, Huck, Ciro e Boulos


O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é avaliado como bom ou ótimo principalmente entre homens (41%), evangélicos (53%), pessoas acima de 35 anos de idade (43%), com renda de mais de cinco salários-mínimos (42%) e que moram em cidades de médio porte — entre 40 mil e 200 mil habitantes (45%). É o que diz o levantamento XP/Ipespe realizado na primeira semana de dezembro.


A pesquisa mostrou ainda que a avaliação da gestão Bolsonaro se manteve estável, dentro da margem de erro de 3,5%, entre o fim de novembro e o começo de dezembro. Agora, 38% das pessoas ouvidas consideram o governo ótimo ou bom, contra 37% antes. Outros 35% avaliam a administração federal como ruim ou péssima contra 34% no mês anterior. A avaliação do governo como regular caiu ligeiramente de 28% para 25%.


A aprovação do governo começou a subir em agosto, quando a reprovação apresentou forte queda. O pico de rejeição à gestão Bolsonaro ocorreu entre abril e junho, quando oscilou entre 48% e 50%.


Eleições

Se as eleições fossem hoje, o presidente lideraria com 29% das intenções de votos. O segundo lugar tem um triplo empate técnico: Fernando Haddad (PT), Sérgio Moro, e Ciro Gomes (PDT) aparecem com 12%, 11% e 9%, respectivamente. Como a margem de erro é de 3,5%, considera-se empate.


O apresentador Luciano Huck e o político Guilherme Boulos (PSOL) vêm logo atrás com 7% e 5% da preferência dos eleitores. Essa é a primeira vez que o psolista aparece na pesquisa desde que disputou o segundo turno nas eleições à prefeitura de São Paulo. Esses dados são da sondagem estimulada, quando o pesquisador apresenta os nomes dos possíveis candidatos aos entrevistados.



Na pesquisa espontânea, quando cada pessoa fala o nome do próprio candidato sem receber nenhuma sugestão, o cenário não muda muito. Bolsonaro continua aparecendo em primeiro lugar, embora com um percentual ligeiramente menor — 24%. O ex-presidente Lula (PT) aparece em segundo lugar, com 6% das intenções de voto, seguido por Ciro Gomes (3%), Haddad (2%) e Moro (1%).


Segundo turno


A sondagem da XP/Ipespe também simulou possíveis cenários para um segundo turno. De acordo com os dados obtidos, Bolsonaro e Moro estão em empate técnico, com 36% e 34% das intenções de voto respectivamente.


Apesar disso, o atual presidente seria reeleito frente a todos os outros adversários com apoio de mais de 40% dos entrevistados. Contra Haddad, o resultado seria 45% a 35%; Ciro Gomes 43% a 36%; Luciano Huck, 40% a 33%; e Guilherme Boulos, 47% a 31%.


Perfil da amostra


A pesquisa ouviu mil pessoas de todo o país por telefone. A margem de erro é de 3,2% para mais ou para menos em todos os dados e o relatório não aponta o nível de confiabilidade do levantamento.

 
design real.png
Cópia_de_segurança_de_design real.png

Fresh

MARKET

Navegue pela web
logo real certo.png
  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Grey Instagram Ícone

REVISTA REAL NOTÍCIAS - AV. HENRIQUE LOTTE , 50 - BARRA DA TIJUCA - RJ - BRASIL - SITE DESENVOLVIDO POR CARLOS DE MELLO MARQUES - 00029291712