top of page
Post: Blog2_Post
anuncio cabeçario site.png
Buscar

Dudu Nobre defende filha após ela denunciar abuso sexual em festa: 'Maior tristeza

Dudu Nobre defende filha após ela denunciar abuso sexual em festa:

'Maior tristeza'



Dudu Nobre usou suas redes sociais para apoiar a filha Lily Nobre, que denunciou abuso sexual em festa do Rio de Janeiro


Dudu Nobre voltou a se pronunciar e exigiu respeito, novamente, ao comentar a investigação de abuso sexual sofrido por sua filha Olívia Nobre, a cantora Lily Nobre, de 20 anos. O crime ocorreu em uma festa em comunidade do Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste do Rio de Janeiro no final de semana.


Segundo a cantora, filha também de Adriana Bombom, ela estava acompanhada de amigos e foi estuprada por mais de uma pessoa. Ela afirmou ainda que ingeriu uma bebida com uma substância misturada e, depois disso, passou a ter apenas "flashs" dos momentos seguintes.


Adriana Bombom expôs sofrimento


Em suas redes sociais, Dudu criticou o fato de algumas pessoas estarem comentando a denúncia, investigada em sigilo pela Polícia Civil. "Enquanto minha filha estava depondo, fui surpreendido com a notícia de que haviam pessoas concedendo entrevistas ao vivo e falando sob assuntos que deveriam correr em sigilo. Peço mais uma vez: respeitem a nossa dor, e principalmente a dor dela", escreveu.

Nesta semana, Adriana citou "muita dor no coração e muita indignação" ao comentar o abuso sofrido pela filha, após sua festa de aniversário. "Agradeço a todos que têm me procurado e enviado mensagens de afeto e consideração", completou a repórter.


'Preciso estar forte', diz cantor


Confira a seguir a postagem, na íntegra, de Dudu:

"Durante minha carreira musical, já passei por inúmeras situações em que minha postura como pai foi exposta e discutida sem o meu consentimento. Eu sempre relevei e procurei manter o foco da minha vida pública em minha carreira como músico, cantor e compositor.

Eu, até o dia de hoje (quarta, 11), me mantive calado diante de todas as mentiras e calúnias que li sobre mim. Mas ontem (terça, 10), enquanto minha filha estava depondo, fui surpreendido com a notícia de que haviam pessoas concedendo entrevistas ao vivo e falando sob assuntos que deveriam correr em sigilo.

Como pai, foi a maior tristeza que já senti, por não poder protegê-la de tamanha invasão de privacidade. Então, pela primeira vez, me pronuncio sobre um assunto que deveria ser privado. Estou do lado da minha família para tudo que eles precisarem e não preciso expor aqui o tamanho da minha dor.

Preciso estar forte para apoiar minha filha e defendê-la de tudo que puder magoá-la. Então, por isso, venho pedir mais uma vez, que respeitem a nossa dor e principalmente a dor dela, não compartilhem nada que a exponha, por favor.

Eu acredito na justiça. E acredito que tudo vai se esclarecer e os responsáveis serão punidos".

bottom of page