PF prende um dos maiores doleiros do país, em ação no Rio

Chaaya Moghrabi é acusado de movimentar recursos que ultrapassam R$ 1 bilhão por meio de empresas montadas em paraísos fiscais no exterior


A Polícia Federal prendeu, nesta sexta-feira (18), o doleiro Chaaya Moghrabi, conhecido como Yasha. Ele é considerado pelas autoridades um dos cinco maiores doleiros em operação no país. Yasha é investigado nas operação Câmbio, Desligo e na Clãdestino, que tiveram origem na Lava-Jato.

De acordo com as investigações, somente entre 2011 e 2017, o doleiro teria movimentado U$ 239 milhões, o equivalente a R$ 2,1 bilhões. Os recursos seriam enviados para contas entre o Brasil e o exterior, e mantidos fora do país por meio de empresas offshores, ou seja, em paraísos fiscais.


O mandado de prisão preventiva e de busca e apreensão foi expedido pela 7ª Vara Federal Criminal no Rio de Janeiro. A PF tentou cumprir as diligências em 10 de novembro. No entanto, os alvos atuaram para obstruir as investigações e prejudicaram as diligências.



"A busca e apreensão foi realizada na residência do doleiro em São Paulo, enquanto ele foi localizado e preso em Angra dos Reis (RJ). O investigado já foi denunciado na operação Câmbio, Desligo e faz parte de uma rede de doleiros que atua na lavagem internacional de ativos", informou o MPF.

 
design real.png
Cópia_de_segurança_de_design real.png

Fresh

MARKET

Navegue pela web
logo real certo.png
  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Grey Instagram Ícone

REVISTA REAL NOTÍCIAS - AV. HENRIQUE LOTTE , 50 - BARRA DA TIJUCA - RJ - BRASIL - SITE DESENVOLVIDO POR CARLOS DE MELLO MARQUES - 00029291712