anuncio cabeçario site.png
Buscar

Vírus pode roubar dados de cartão de crédito; saiba como se proteger

Malware é instalado no computador quando usuário tenta baixar programa pirata; cerca de dez mil brasileiros foram vítimas



Um novo vírus capaz de roubar dados do cartão de crédito, além de contas em redes sociais e sites, fez pelo menos dez mil vítimas brasileiras nos últimos dias, segundo a empresa de cibersegurança Kasperky. Desde o início do ano, foram identificadas 47.778 infecções por esse vírus no mundo.


De acordo com a empresa, que identificou o novo vírus, o malware NullMixer age a partir de um download que os usuários fazem de um programa no computador.

Segundo a empresa, o usuário tenta fazer o download de um programa pirata, mas ao fazer isso, ele instala na verdade o vírus. Os vírus podem ser ficheiros (ZIP, RAR, etc.), executáveis (.exe, .run, etc.), documentos PDF e Microsoft Office, JavaScript, etc.

Após isso, o usuário fica vulnerável. Por meio do vírus, os fraudadores conseguem roubar dados de cartão de crédito que estão salvos no computador e acesso aos "cokkies" de sites como Facebook e Amazon e, com isso, também acessar os dados de pagamento salvos nessas contas.

Para evitar ser vítima, a recomendação é só fazer download de programas em sites oficiais e verificados. Além disso, é importante ter um antivírus instalado no computador. Também é recomendado sempre conferir as transações recentes em suas contas para identificar qualquer atividade suspeita.